Assine nossa newsletter e receba todas as novidades em primeira mão!

SÃO PAULO: o que fazer no bairro da Liberdade (além de comer)!

É fato. A maioria das pessoas que visita o bairro da Liberdade, em São Paulo, está focada em gastronomia oriental e compritchas. Mas, dessa vez, viemos sugerir um novo olhar. Observar e descobrir nuances que a mistura de culturas nos deixou. Uma listinha de dicas do que fazer no bairro da Liberdade que vão um pouco além de comer e comprar. Aproveitem pois São Paulo tem muito a oferecer! 🙂

#1 VISITAR O JARDIM ORIENTAL

Localizado no vai e vem dos visitantes, lá está ele, um pequeno jardim que te desconecta por alguns minutos do movimento acelerado do bairro. Pare. Respire. E observe seus elementos.

o que fazer no bairro da liberdade

Jardim Oriental no Bairro da Liberdade

Detalhe do Jardim Oriental no Bairro da Liberdade

#2 FOTOGRAFAR NAS LANTERNAS E NO PORTAL TOORI

Impossível não sair apaixonado pelas lanternas vermelhas e pelo gigante portal toori. Esse ar oriental nas ruas do bairro da Liberdade é simplesmente apaixonante. 

Blogueiras no Encontro Japão.br tentando uma selfie no Portal

#3 CONHECER O MUSEU DA IMIGRAÇÃO JAPONESA NO BRASIL

Visitar o Museu da Imigração Japonesa, certamente, será uma das felizes surpresas na sua visita ao bairro da Liberdade. Ocupando três andares do Edifício Bunkyo, o museu relata as principais etapas da imigração japonesa com muito zelo e cuidado. Um passeio por mais de 100 anos de história.

DICA VC: Funciona de terça-feira a domingo, das 13h 30min até as 17h. A inteira custa R$12. 

#4 VISITAR A IGREJA DE SÃO GONÇALO

Cravada na fronteira entre o bairro da Liberdade e o Centro da cidade, está a discreta Igreja de São Gonçalo que data do século XVIII. Não deixe de entrar e apreciar, sobretudo o vitral de São Gonçalo que está do lado esquerdo, bem na entrada.

Interior da Igreja de São Gonçalo

o que fazer no bairro da liberdade

Vitral de São Gonçalo

#5 ALMOÇAR NO ESPAÇO CAZU

Depois de bater tanta perna, merecemos uma refeição de respeito. De respeito, de cheiro e de sabor. O Espaço Kazu foi uma feliz surpresa no bairro da Liberdade, sobretudo as sobremesas (meoodeooss!). Se quiser mais detalhes, dá uma olhadela no review especial que preparamos.

onde comer no bairro da liberdade sao paulo

Blogueiros de Viagem de várias partes do Brasil no evento Japão.br.

#6 OBSERVAR OS SEMÁFOROS

Porque é de detalhes que se faz a vida. Uma iniciativa super legal e divertida que denuncia ainda mais a tradição oriental do bairro da Liberdade.

#7 CONHECER O PALACETE CONDE DE SARZEDAS

Conhecido como Castelinho do Amor por  ter sido erguido pelo proprietário, já com 60 anos de idade, para presentear sua jovem noiva francesa, segundo contam. O Palacete Conde de Sarzedas que abriga, atualmente, o Centro Cultural do Tribunal de Justiça faz parte do nascimento da história do bairro da Liberdade e merece sua visita.

o que fazer no bairro da liberdade

Castelinho do Amor (Palacete Conde de Sarzedas)

#8 RELAXAR NO FINAL DA TARDE NO HACHI CREPE E CAFÉ

E, pra finalizar o dia com chave de ouro, nada melhor que um café acompanhado de um dos sabores exóticos de um crepe japonês do Hachi Crepe e Café que fica na Rua Galvão Bueno. Pense num negócio baum!

Crepe Japonês

TOUR EM SAMPA

Exploramos o bairro da Liberdade na ocasião do Japão.br. Fizemos um tour guiado com o pessoal do Giro in Sampa, que promove passeios inusitados e charmosos. Eles têm diversos roteiros na cidade de São Paulo.

No bairro da Liberdade, especificamente, o tour dura 2h e 30min, passando por vários cantinhos como a Catedral da Sé, Rua Tabatinguera, Vila Sarzedas, Igreja dos Aflitos, Largo da Liberdade, Rua Galvão Bueno e Rua São Joaquim.

COMO CHEGAR AO BAIRRO DA LIBERDADE

A maneira mais tranquila é de metrô. Basta descer na Estação Liberdade, linha azul. Você cairá de cara com a Praça da Liberdade, onde acontece a famosa feirinha.

ONDE SE HOSPEDAR

Optamos por ficar hospedados a uma quadra da Avenida Paulista, na altura da Estação Brigadeiro (linha verde), devido a facilidade de locomoção. Nossa escolha foi o Hotel Feller Avenida Paulista mas, o que não faltam são opções.  O ideal é que você fique próximo a alguma estação de metrô e, de preferência, ao roteiro que você traçou.

o que fazer em são paulo na primeira visita

Cobertura do Hotel Feller Avenida Paulista

Utilize a caixa de pesquisa abaixo e faça uma busca rápida para ter uma ideia, comparar os preços e avaliar a qualificação dada por quem já se hospedou!



Booking.com

+ POSTS DE SÃO PAULO

PLANEJE SUA VIAGEM PARA SÃO PAULO!

Pretende alugar um carro? Essa, sem dúvida, será uma excelente escolha. Mais autonomia para percorrer São Paulo e quem sabe dar uma esticadinha até alguma outra cidade. A Rentcars, nossa parceira, oferece o serviço, com o bônus de não ter IOF e ainda dividir em 12x. E, pagando no boleto ainda tem desconto. Faça uma cotação aqui!

Em dúvida sobre o Seguro Viagem?  Melhor ter e não usar não é mesmo? O Blog Viajante Comum conseguiu um desconto de 5% para os seus leitores no Seguros Promo. Basta usar o código VIAJANTECOMUM5 ! Clique aqui, conheça e faça uma simulação!

Comparar

Vale lembrar que contratando com nossos parceiros você ajuda o Blog Viajante Comum a continuar produzindo conteúdo de qualidade e não paga nada a mais por isso! Obrigada! 🙂


Nos encontre nas redes: | FACEBOOK | INSTAGRAM | PINTEREST |  GOOGLE +TWITTER

city tour em brasíliaQuer saber mais sobre nós? Clique aqui!


*Visitamos o bairro da Liberdade na ocasião do Japão.br. 

japão br

3 Responses
  • Rodrigo dos Santos
    abril 11, 2018

    Apesar de morar aqui em SP e passar sempre na Liberdade, gosto de ver blogs que dão dicas e contam suas experiências no bairro.

    • Viajante Comum
      abril 12, 2018

      Que bom que você gostou! Eu tenho uma carinho especial pela sua cidade. Espero, realmente, voltar muitas vezes! 😊😘

  • Patricia
    março 31, 2018

    Lindo post!!
    A Liberdade tem vários segredinhos escondidos e muita coisa pra fazer!
    Que saudades desse encontro.

What do you think?

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *